21.12.06

NATAL AMARGO NA LUZ

Depois de uma série de bons resultados, nada fazia prever a derrota caseira do Benfica frente ao Óquei de Barcelos.
Os encarnados cedo se viram em vantagem com um golos de Tó Silva, mas a partir daí os minhotos mostraram-se superiores e justificaram a vitória. Ao intervalo já haviam dado a volta ao resultado.
No segundo tempo o Benfica reagiu mas acabou por sofrer o terceiro golo contra a corrente do jogo, o que foi um golpe demasiado duro para a equipa de Carlos Dantas.
Pedro Afonso ainda reduziu, mas apesar da pressão final o resultado não sofreu mais alterações.
O Benfica mantém todavia o segundo lugar, ficando no entanto agora mais distante do líder F.C.Porto, que vencendo a Oliveirense cimentou ainda mais a sua liderança, a qual contudo, em ano de play-offs, pode não significar mais do que uma vantagem relativa para a fase decisiva da competição.
A equipa de Barcelos está em terceiro lugar.

7 comentários:

  1. (...)"nada fazia prever a derrota caseira do Benfica frente ao Óquei de Barcelos."

    Talvez os resultados dos últimos 6/7 anos dessem umas pistas... Agora a sério, são equipas muito parecidas, um jogo de tripla, nunca se pode dizer que não se previa...

    Continuação de um bom trabalho!

    ResponderEliminar
  2. Caro Roller,

    Quando escrevi essa frase foi pensando nos resultados do Benfica nas últimas semanas.
    E também, sejamos claros, o Óquei já teve equipas de muito mais nomeada (Paulo Alves, Sérgio Silva, Paulo Almeida, Luis Viana, Irmãos Bertolucci, Tó Silva, Guilherme Silva etc ) do que a deste ano, que todavia até está a fazer um campeonato muito positivo (e no play-off nunca se sabe...).

    Já houve épocas em que o OCB tinha muito melhores equipas que o Benfica, outras houve em que imperava o equilíbrio.
    Com os planteis actuais, até em virtude do investimento feito num e noutro clube, o Benfica parece-me que tem maiores obrigações que os minhotos, sobretudo jogando em casa.

    Julgo que neste jogo, em teoria, o Benfica era favorito.

    Mas é claro que perder com o Óquei não é o mesmo que perder com o Física de Torres, com o Juv.Ouriense ou com o Valongo.


    Desejo a melhor sorte ao Óquei para a liga dos campeões.
    Se pudessem conquistar o título europeu ficaria muito feliz.

    ResponderEliminar
  3. com memória22.12.06

    tudo bem nao há sequer comparaçao possivel entre esta ekipa do oquei com esses nomes sonantes,faltando tambem aí o Carlos Realista,Domingos Carvalho,Serginho,Alfredo Silva,tambem eles grandes nomes do barcelos!!!No entanto,tambem se formos comparar esta ekipa do benfica,com a dos 5 maravilha,Luis Ferreira,Paulo Almeida,V.Fortunato e Rui Lopes...estes meninos TODOS eles,nem sequer xeiravam o ringue a nao ser no intervalo!!!ai,ai k saudades,força benfica!!!

    ResponderEliminar
  4. com memoria22.12.06

    e Fernando Almeida ou Zé carlos na baliza!!

    ResponderEliminar
  5. Sim é verdade.
    Foi com algum azar que essa fantástica equipa não chegou a ser campeã europeia (foi-o várias vezes de selecções, mas com o Benfica perdeu duas finais, com o Igualada de Rovira, Guillen e Santi Carda). Coisa que o Óquei acabou por conseguir, antes ainda de ter sido campeão nacional.

    Mas este plantel do Benfica tem bastante futuro, e acredito que dentro de dois ou três anos se possa tornar numa equipa bem próximo do valor que essa tinha.

    ResponderEliminar
  6. Caro IF, estava a ser um pouco irónico no 1º comentário, contudo, continuo a achar que o Óquei e o Benfica se equivalem... e os resultados mostram isso. Tradicionalmente fazemos bons jogos na Luz (excepto aquele 7-0 de 2002 que não quero falar). Mesmo em Barcelos, o Benfica esteve 4 anos sem vencer, venceu o ano passado...

    Quanto a nomes sonantes ex-Barcelos, faltam referir, ainda, o Pedro Alves (10 épocas), Miguel Sanchez (3 épocas), Martin Payero (3 épocas), Facundo Salinas (1 época)...

    Claro que agora os tempos são outros mas este plantel (2006/07) tem nomes que podem vir a ser como os supra citados. O Tiago Rafael, por exemplo, tem tudo para vir a ser como o Paulo Almeida e ainda só tem 22 anos...

    O Benfica tem bons jogadores mas que estão a evoluir pouco, é um grupo fechado há umas épocas (excepto uma entrada ou saída por época) e demora a "explodir", falta-lhes "maldade"...

    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  7. Roller,

    É verdade que Benfica tem evoluído pouco face aquilo que o potencial dos seus jovens atletas faria esperar.
    Os tempos de Paulo Garrido à frente da equipa não foram nada bons e determinaram uma estagnação na evolução dos seus jovens.

    De qualquer modo parece-me que o Valter Neves é já um grande jogador; o Barreiros, quando inspirado, é também já um dos melhores hoquistas portugueses (pena que seja tão irregular, e por vezes desconcentrado); Mariano é aquilo que todos sabemos ; Carlos Silva é um excelente guarda-redes ; Tó Silva e Vitor Hugo são dois internacionais, embora esperasse mais do segundo ; Carlitos e Pedro Afonso (e Rui Ribeiro, agora emprestado) ainda têm alguma margem de crescimento, mas também são opções credíveis.
    O Benfica parece-me ter um excelente plantel. Tendo agora também um excelente treinador para o orientar e fazer crescer.

    Se compararmos os resultados dos últimos anos do Benfica com o OCB, é claro que se equivalem.
    São duas potencias similares na modalidade, ambos um passo atrás do F.C.Porto, rei e senhor das últimas cinco temporadas.

    Se falarmos só nos planteis deste ano, parece-me que o Benfica tem mais argumentos que o Óquei, apesar de Tiago Rafael ser de facto uma enorme esperança da modalidade.

    Para ser franco, até esperava que o Benfica desta época equilibrasse mais as coisas com o F.C.Porto, ou até se superiorizasse aos Dragões.

    Enfim... veremos.

    Como agora tudo se decide no play-off, só lá para o verão é que saberemos quem é de facto mais forte.

    ResponderEliminar